You are currently browsing the monthly archive for novembro 2008.

Ainda na onda cueca, eu não podia deixar de postar sobre o meu tipo preferido: as cuecas de seda.
Elas não são de nylon (nem de seda, na maioria das vezes. são mesmo é de cetim), mas são tão brilhantes e quase tão macias quanto.
Na época que eu tinha poucos shorts, me virava com uma ou duas sambas de seda também, pois eram mais baratas. E eu podia usá-las o tempo todo por debaixo da bermuda ou da calça!! As minhas eram estampadas, mas depois fui caçando as de cor única. São mais difíceis de se encontrar, mas são muito mais tesão (dependendo da estampa, parece coisa de velho…. 😦 ).
A maior parte das fotos abaixo são de sites gringos que vendem roupa íntima. Mas, procurando, não é difícil encontrar samba-canções de cor única em lojas como Renner, C&A e Riachuelo. Mas infelizmente elas não vêm acompanhadas de caras tesudos como os da foto 😉
Com a moda da calça caindo (sagger) elas tem aparecido mais aqui e ali. O negócio é tomar cuidado pra calça não cair de vez: como elas são mais lisas e macias, dependendo do peso nos bolsos a calça cai mesmo.

Anúncios

Na minha opinião, melhor do que um belo cara de cueca, é um belo cara numa cueca molhada 😉
Como eu curto também roupa molhada (não só short) cuecas também entram nessa categoria. Às vezes é bom tomar banho com roupa, mas às vezes, tomar com uma simples cueca já satisfaz (como o cara na 3ª foto da 5ª coluna). Seja qual for o modelo da cueca (de seda, boxer, samba-canção, sunga).
E, como sempre, ao que parece, marcas de cuecas e produtoras de fotos eróticas sabem disso. Exemplos disso são a Ginch Gonch, marca gringa de cueca voltada para o público gay. e as fotos The Boy e Corbin Fisher abaixo.
Não tem jeito, acho que cueca é um fetiche básico mesmo. Mais do que calções, cuecas estão diretamente ligadas à noção de masculinidade e virilidade: só são usadas por homens e cobrem justamente o melhor local 😉 Assim como os calções. A diferença é que todos os homens usam cuecas, mas nem todos, shorts.

foot Cuecas e sungas (além do Cristiano Ronaldo) parecem ser tópicos que bombam aqui no Batendo Bola. Até agora só havia um post sobre o assunto e, mesmo assim, ficava sempre entre os mais clicados (perdendo apenas pro Portuga).
Comecei aquele primeiro post dizendo que cuecas não tinham muito a ver com esporte (tema do blog) apesar de estarem presentes em quase todos os esportes.
Eis que me engano, como provam essas duas fotos que abrem esse novo post entitulado apenas “Cuecas 2“. Sim, o jogadores também ficam semi-nus em campo, usando apenas a peça de roupa mais desejada por muitos marmanjos.  Tem até um time na Argentina (não me lembro qual) que, sempre que vai pra final do campeonato, fica nu. Isso mesmo: nu. totiOs torcedores invadem o campo e roubam à força as roupas dos jogadores, não só as camisas, como de costume, mas até o short ( 🙂 ) e as cuecas. Hmmmm… novamente os argentinos se dão melhor neste quesito… Que merda, hein? 😛
Por mim, os jogadores podiam ficar sempre só de cuecas no final do jogo. E não só de jogo de futebol. E ainda podiam jogar o short pra galera. 😉 Mas, acredito que muitos nem sequer usem. Mesmo quando o calção não tem sunga embutida.
Pra nossa sorte, a internet sempre guarda e propaga esses flagras. E também não é lá muito difícil achar boas fotos de caras com corpos esculturais usando cuecas. De todos os tipos: sunga, samba-canção, boxer… As próprias campanhas de marketing das marcas de cueca (como bem mostram as fotos da Armani Exchange e a do David Beckham) se valem do apelo sexual pra vender. Óbvio. Qual hétero que não queria ter um corpo daqueles? E qual o gay que não queria ter (em outro sentido) um corpo daqueles? 😉

leonhaslam1Não é bem de motoboys que eu vou falar neste post. Até porque o trânsito tá cheio de entregadores, mas até hoje nunca vi um motoboy gostoso (tirando esse japa aí do lado, que, na real, é um modelo :P) …
Ainda procurando falar sobre um fetiche ainda não comentado, este post é sobre roupas emborrachadas, pois sei que tem brasileiros que curtem e estas roupas estão tendo até uma boa votação na Enquete.
As emborrachadas (não as de látex, que são diferentes) podem ser roupas de surf (o neoprene), as de motoqueiros e as que os super-heróis usam em filmes (ao invés de usarem lycra), como as roupas dos X-Men e a roupa do último filme do Super-Homen (que, por sinal, é um tesão. Tanto a roupa quanto o ator. hehe). Sobre surf e super-heróis (com exceção do Tocha Humana/Chris Evans, nas primeiras fotos) falarei em outro post.
Parecidas com as de Fórmula 1, já postadas aqui, elas são feitas de um material sitnético grosso e resistente, porém macio. Algumas vezes podem ser brilhantes.
Como eu tenho tesão por tecidos sintéticos, até tenho certa agtração pelas roupas dos motoqueiros. Nada que bata o nylon dos shorts. Mas precido dizer que uma vez, na praça de alimentação de um shopping aqui em Sampa, vi um cara gostoso, com uma roupa normal (não parecia ter vindo de moto) usando uma jaqueta dessas. Não consegui tirar o olho. Fiquei animado na hora. Devia ser um gringo, que é mais chegado nessas extravagâncias…
Das fotos abaixo, as que mais me armam o calção é a do carinha lavando o carro e a saindo da piscina porque une duas coisas que eu curto: tecido sintético e roupa molhada/ensaboada 🙂
Quem curte essas roupas prefere duas marcas mais famosinhas: Alpinestar e Dainese. Tem quem curta, assim como que curte tênis, as botas também (em especial, as Alpinestars). Mas este é um fetiche bem caro. Uma roupa dessas custa mais de 100 pau. No mínimo. Por isso, esse fetiche é mais comum na gringa.
Alguém aí curte?

2006120149057873_7d191e1b3a_ochris_evans14
S I M P L E S M E N T E      G A T O !

Despois de falar de mais um português no último post, agora é hora de falar de produto nacional. Produto interno bruto! E que produto!
Simplesmente um esporte cujos corpos esculturais dos praticantes vestem apenas um abadá e mais nada! Nem camisa! Nem tênis ou chinelo. Quer esporte mais despojado que este? Onde é quase regra não usar camisa! Valeu aos africanos pela contribuição 😉
Assim como acontece com outros fetiches, já vi comunidade dno orkut sobre tesão por calças de capoeira, os abadás. Eu não sei se eu fico com tesão pelas calças ou pelos caras, só sei que é difícil você ver numa roda um capoerista gordinho ou feioso. Os caras são um tesão!
Tem até uma produtora de vídeos pornôs que tem uma série de filmes chamados “Capoeira”. As 6 últimas fotos deste post são as capas de alguns desses filmes. Como dá pra ver, tem 26 seqüências…
Mas, pra quem curte a calça mesmo, nem se empolgue: os caras nunca mantém o abadá na hora do “vamos ver”. E pior: na maioria das vezes, logo o tiram. Aí já vira mais um filme de sacangem qualquer… :/
Se alguém curtiu os abdadás, já sambe: comente!

Atenção! Olha lá, hein!

Esta página contém textos e fotos de caráter ADULTO e de conteúdo GAY. Portanto, menores de 18 anos ou heterossexuais se que não se sintam à vontade com o tema NÃO DEVEM navegar pelo blog, ok?
novembro 2008
D S T Q Q S S
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

  • 6,312,641 acessos

Os mais clicados

Visitas